Natal Encantado - Barueri

Secretaria de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência realiza encontro virtual entre associações para pessoas com deficiência auditiva

Neste domingo, 28, a Secretaria de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência realizou o 2º encontro virtual entre associações de surdos para discutir a inclusão das pessoas com deficiência auditiva, que segundo a Base de Dados dos Direitos da Pessoa com Deficiência (http://www.basededados.sedpcd.sp.gov.br), somam 436.254 pessoas no estado de São Paulo. O evento online contou com cerca de 100 espectadores.

Ao abrir o evento, a secretária de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência, Célia Leão, afirmou ser um compromisso do Governo do Estado de São Paulo dar apoio às associações. “Estamos falando com um público muito grande e este público merece e deve ser respeitado. Nos empenhamos para fazer este encontro acontecer e trazer uma reflexão a todos. O governador João Doria e o vice-governador Rodrigo Garcia me cobram para que as políticas públicas cheguem lá na ponta, às pessoas que mais precisam, e é isso que temos feito. O Governo do Estado de São Paulo e a nossa Secretaria de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência têm um compromisso com vocês, associações”, disse.

A transmissão ao vivo, acessível com intérprete de libras e português, contou também com legendas e foi realizada via plataforma Zoom. Para assistir a transmissão, interessados podem acessar a página oficial do Facebook da Secretaria por meio do link: http://www.facebook.com/pessoacomdeficienciasp/videos/ .

Dentre os principais temas abordados está o conhecimento de alguns fundamentos das políticas públicas para inclusão de surdos, fortalecendo a convivência e vínculos familiares, além de informações sobre a criação e manutenção de associações para pessoas com deficiência auditiva.

Além da secretária Célia Leão, participaram do evento a gestora do Programa de Libras da Secretaria de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência, Silvia Sabanovaite, o advogado e mestre em Direito Civil Dr. Josenir Teixeira, o vice-presidente do CISS (Comitê International des Sports des Sourds), Gustavo Perazzolo, o presidente da Feneis (Federação Nacional de Educação e Integração dos Surdos), Antônio Campos de Abreu, a presidente da CBDS (Confederação Brasileira de Desportos de Surdos), Daiana Kyosen, o presidente da FDSESP (Federação Desportiva de Surdos do Estado de São Paulo), Luiz Fernando Pinheiro, a advogada e coordenadora do Grupo de Trabalho com Deficiência Sensorial, Dra. Luana Manini e a membro titular do Conselho Estadual dos Direitos da Pessoa com Deficiência de São Paulo Dra. Mariana Isaac Campos.

A gestora do Programa de Libras da Secretaria de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência, Silvia Sabanovaite, ressaltou a importância da valorização das associações de surdos, principalmente levantando a reflexão destes espaços aos jovens. “Nós precisamos das associações, elas são espaços de encontros da comunidade surda e nos ajudam com nosso desenvolvimento, seja no trabalho, na educação, no esporte, entre outros. Lá nos desenvolvemos plenamente, é uma bandeira da comunidade surda. Por isso, precisamos manter esses espaços”, afirmou Silvia.

 

Siga nas redes:
Instagram: jornalimprensaregionalregoeste
Site: jimprensaregional.com.br
Facebook: https://www.facebook.com/pg/jimprensaregional

 

 

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado.Os campos obrigatórios são marcados *

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: