Barueri

Projetos de professoras de Cotia são reconhecidos por premiação de boas práticas durante a pandemia

As professoras da Rede Municipal de Cotia Adriane Passos Almeida e Ana Paula Nogueira Moreira Borella foram duas das 100 vencedoras do “Prêmio Educação Infantil: Boas Práticas de Professores Durante a Pandemia”, promovida pela Fundação Maria Cecilia Souto Vidigal, em parceria com a Undime (União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação) e o Itaú Social.

O resultado foi divulgado no site dos organizadores no dia 31 de março. No total, mais de 700 práticas de todo Brasil foram inscritas e 100 iniciativas foram premiadas.

“É uma alegria vermos que iniciativas que nasceram das mãos de professoras da nossa rede ganham esta dimensão e este reconhecimento. Parabéns”, disse o prefeito Rogério Franco. Como vencedoras, as professoras receberão um prêmio em dinheiro, além de um curso de 40 horas online com atividades síncronas e assíncronas sobre a BNCC e a Educação Infantil. O curso será promovido pelo Instituto Singularidades, parceiro técnico da iniciativa.

As iniciativas objetivam encurtar distâncias e ensinar por meio dos recursos virtuais de forma criativa envolvendo as crianças e as suas famílias frente às dificuldades impostas pela suspensão das aulas presenciais por conta da pandemia da Covid-19. A professora Ana Paula desenvolveu o Projeto “Escola e Família: uma parceria de sucesso” que buscou ensinar de forma lúdica e com criatividade. “O desenvolvimento do projeto ocorreu através da plataforma Google Sala de Aula e pelo WhatsApp por onde eram enviados vídeos com brincadeiras, músicas, contações de histórias, explicações das atividades e etc.”, destacou a professora. Segundo ela, foram diversas chamadas pelo Google Meet, desde a suspensão das aulas presenciais.

O projeto da professora Adriane Passos foi “Escola e Família juntos para ensinar e amar”. A sua preocupação foi manter o vínculo com as crianças, orientar e acolher as famílias diante de tantas mudanças na forma de ensinar desde o início da pandemia. “Minha maior preocupação era manter o vínculo com as crianças, nortear e acolher as famílias como mediador de ideias, de ensino e aprendizagem”, descreveu. “Tivemos o livro Entrelinhas como registro e complementamos com vídeos chamadas pelo whatsapp, organizada em grupos, tendo a participação de toda a família”, completou Adriane.

O Secretário de Educação, Luciano Corrêa, cumprimentou as professoras. “Parabéns à Adriane e à Ana Paula. Nos enchemos de orgulho de nossos professores, e quando vemos projetos que nasceram aqui serem premiados e ganharem destaque nacional, ficamos ainda mais orgulhosos”, disse.

 

Siga nas redes:
Instagram: jornalimprensaregionalregoeste
Site: jimprensaregional.com.br
Facebook: https://www.facebook.com/pg/jimprensaregional

 

Guia Pro Pet

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado.Os campos obrigatórios são marcados *

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: