Pedágio aumenta no dia 1º de dezembro. Veja as novas tarifas

Após adiamento de quase seis meses, a partir da meia-noite da próxima terça-feira (1º), entra em vigor o reajuste das tarifas de pedágio das rodovias concedidas de São Paulo. As tarifas serão reajustadas em 3,17%, com base na evolução do IPCA, entre setembro/2019 e setembro/2020.

A atualização da tarifa segue os critérios contratuais, com a correção de inflação pelo indicador econômico IPCA acumulado entre julho/2019 e junho/2020.

O reajuste deveria ter entrado em vigor em 1º de julho, conforme estabelecido em contrato de concessão, mas foi postergado em razão da pandemia da covid-19. O adiamento também contemplou as praças de pedágio da concessionária Entrevias, que teria atualização em 06 de julho, mas passa a valer também em 1º de dezembro.

Em razão dos arredondamentos, dezenove praças de diferentes rodovias não terão reajuste na tarifa paga pelos usuários. As tarifas contratuais das concessionárias que integram as primeiras e segunda fases do programa de concessões, bem como as do Rodoanel nos trechos Leste, Sul e Oeste e as da concessionária Entrevias, serão reajustadas em 1,88% – índice relativo ao IPCA acumulado entre junho do ano passado e junho deste ano.

As concessionárias da primeira fase são: CCR Autoban, AB Colinas, Ecovias, Intervias, Renovias, CCR SPVias, Tebe, Triângulo do Sol e CCR ViaOeste. Pertencem ao segundo lote as concessionárias CART, Ecopistas, RodoAnel, Rodovias do Tietê, Rota das Bandeiras, SPMar e Via Rondon.

As tarifas da Rodovia dos Tamoios terão reajuste de 2,13%, de acordo com as previsões contratuais.

As cinco praças do sistema remanescente da concessionária Centrovias e, atualmente, administradas pela concessionária Eixo-SP, não terão alteração, pois já tiveram suas tarifas calculadas em outro processo, cujos valores estão em vigor desde 15 de maio deste ano, no início da nova concessão.

Desde o início das concessões paulistas, a receita dos pedágios viabilizou mais de R$ 6,6 bilhões em investimentos em obras, manutenção e operação dos 11,2 mil quilômetros de rodovias paulistas sob concessão.

 

Veja o novo valor do pedágio a partir de 1º de dezembro

Anchieta (SP-150) – R$ 28,00

Imigrantes (SP-160) – R$ 28,00

Anhanguera (SP-330) – R$ 9,80

Bandeirantes (SP-348) – R$ 9,80

Castello Branco (SP-280) – R$ 4,50 (Osasco)

Castello Branco (SP-280) – R$ 4,50 (Barueri)

Castello Branco (SP-280) – R$ 9,00 (Itapevi)

Raposo Tavares (SP-270) – R$ 9,60 (São Roque)

Ayrton Senna (SP-070) – R$ 3,90 (Itaquaquecetuba)

Ayrton Senna (SP-070) – R$ 3,70 (Guararema)

Carvalho Pinto (SP-070) – R$ 3,70 (São José dos Campos)

Carvalho Pinto (SP-070) – R$ 3,70 (Caçapava)

Tamoios (SP-99) – R$ 4,00 (Jambeiro)

Tamoios (SP-99) – R$ 7,80 (Paraibuna)

Rodoanel Mário Covas – R$ 2,20 (trecho oeste)

Rodoanel Mário Covas – R$ 3,60 (trecho sul)

 

Fonte: R7

 

Siga nas redes:
Instagram: jornalimprensaregionalregoeste
Site: jimprensaregional.com.br
Facebook: https://www.facebook.com/pg/jimprensaregional

 

 

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado.Os campos obrigatórios são marcados *

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: