Barueri

Luta do deputado Cezar, obra de novo acesso à Osasco é iniciada

Desde o início do mandato como deputado estadual, em 2019, o deputado estadual Cezar luta pela construção de novo acesso ao município de Osasco pela Rodovia Castello Branco juntamente com o prefeito de Osasco, Rogério Lins. Quarta-feira, dia 20/04, a obra foi iniciada pelo Governo do Estado e contemplará a construção de uma nova ponte sobre o Rio Tietê que permitirá o acesso da rodovia Castello Branco (SP 280) para Osasco.

Membro efetivo da Comissão de Transportes e Comunicação na Assembleia Legislativa do Estado nos últimos três anos, Cezar solicitou a obra ao Governo do Estado em audiências com o então governador João Doria e com o presidente da Concessionária CCR-Viaoeste, José Salim Kallab Fraiha. O deputado também discutiu a demanda em reunião com o diretor geral da Artesp- Agência Reguladora de Serviços Públicos Delegados de Transporte do Estado de São Paulo, Milton Roberto Persoli.

“Sou deputado desta região e acompanho a luta dos prefeitos por mobilidade urbana e o sofrimento da população que enfrenta todos os dias um trânsito enorme na Castello Branco que é a principal rodovia de acesso neste importante eixo de desenvolvimento do Estado. Por isso, luto por obras como esta que ampliará o acesso à Osasco e garantirá maior fluidez para o trânsito, desenvolvimento e melhoria da qualidade de vida da população”, disse Cezar que acompanhará a execução da obra e também segue pedindo celeridade na execução da ampliação das marginais da Castello Branco entre os kms 23 e 32 (trecho da entrada de Itapevi/Jandira até Barueri).

A obra em Osasco vai beneficiar diretamente mais de 700 mil habitantes da cidade de Osasco, além dos motoristas da capital paulista e da região metropolitana que acessam o município. Neste trecho da Castello Branco, o projeto executivo prevê intervenções no Km 15+800 para a construção de nova ponte sobre o Rio Tietê, que ligará a rodovia à Avenida Fuad Auada a partir da via Marginal Oeste – no sentido interior. O acesso à Osasco já existente também será mantido.

De acordo com o Estado, as intervenções da concessionária incluem também melhorias para alargamento da pista Marginal Oeste da rodovia Castello Branco, a partir do viaduto que passa sobre a avenida Presidente Kennedy. O prazo previsto para a conclusão das obras é de 23 meses.

O investimento de R$ 232,7 milhões será feito pela própria concessionária CCR ViaOeste, sem custos para o Estado, dentro do Programa de Concessões Rodoviárias, sob gestão da Artesp (Agência de Transporte do Estado de São Paulo). A medida integra o TAM- Termo Aditivo e Modificado nº 22/2022 que foi celebrado, segundo informação da CCR SA, ao Contrato de Concessão nº 003/CR/1998 (Contrato de Concessão) entre a sua controlada Concessionária de Rodovias do Oeste de São Paulo- ViaOeste SA e o Estado de São Paulo.

Esse TAM estabeleceu que a ViaOeste assumirá a execução de novos investimentos referentes ao novo acesso à Osasco e às obras das Marginais da Castello Branco com a prorrogação de 380 dias no prazo do Contrato de Concessão para reequilíbrio econômico-financeiro.

 

 

Siga nas redes:
Instagram: jornalimprensaregionalregoeste
Site: jimprensaregional.com.br
Facebook: https://www.facebook.com/pg/jimprensaregional

 

 

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado.Os campos obrigatórios são marcados *

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: