Instituto de Previdência de Barueri recebe certificação atestando a qualidade na gestão

O Instituto de Previdência Social dos Servidores Municipais de Barueri (Ipresb) acaba de receber um importante reconhecimento pela qualidade da sua gestão. A entidade, vinculada à Prefeitura de Barueri responsável pelas aposentadorias e pensões dos servidores, recebeu a certificação Pró-Gestão – RPPS (Regimes Próprios de Previdência Social), instituída pela Secretaria de Previdência do Ministério do Trabalho e Previdência, do governo federal.

Para o presidente do Ipresb, Weber Seragini, “é um orgulho muito grande fazer parte dos 14 municípios do Brasil que atingiram o nível III do Pró-Gestão. Buscando sempre o melhor desempenho na realização da nossa missão como Instituto de Previdência.”

A certificação do nível III é obtida depois de uma auditoria realizada pela Fundação Carlos Alberto Vanzolini. As áreas auditadas foram Diretoria-Executiva, Controle Interno, Procuradoria, Conselho de Administração, Conselho Fiscal e Comitê de Investimentos

No estado de São Paulo, apenas três cidades têm o nível III de certificação: além de Barueri, Ubatuba e Santos.

A conquista do certificado coloca Barueri como referência nacional e regional. Isso porque a certificação é um processo de reconhecimento da excelência e das boas práticas de gestão, destinadas a atestar a qualidade e a funcionalidade de serviços como o de gestão do regime previdenciário, informa o Manual do Pró-Gestão RPPS, documento da Secretaria de Previdência que mostra as regras e os conceitos do programa de certificação.

Garantia aos segurados
Dentre as principais vantagens da obtenção da certificação estão a garantia e segurança da preservação do patrimônio, o que provê os recursos necessários para a atual e para a futura aposentadoria dos segurados.

A auditoria da Fundação Vanzolini constatou as seguintes atividades no dia a dia do Ipresb:

  1. a) maior controle dos seus ativos e passivos;
  2. b) transparência no relacionamento com os segurados e a sociedade;
  3. c) melhoria na organização das atividades e processos;
  4. d) diversificação das aplicações, possibilitando a obtenção de maiores e melhores rentabilidades, por ser considerado RPPS Investidor Qualificado.

 

Siga nas redes:
Instagram: jornalimprensaregionalregoeste
Site: jimprensaregional.com.br
Facebook: https://www.facebook.com/pg/jimprensaregional 

 

 

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado.Os campos obrigatórios são marcados *

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: