Hospital das Clínicas completa 77 anos com foco na inovação e tecnologia

Em 77 anos de atividades, celebrados nesta segunda-feira (19), o Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (HCFMUSP) conquistou e mantém posição de relevo na Medicina brasileira. Seja por seus pilares – assistência à saúde, ensino e pesquisa – assim como em pioneirismos e mecanismos da inovação. Este último, inclusive, se tornou o quarto pilar da Instituição.

Ao longo de um ano, período bem crítico da pandemia da COVID-19 no País, o HCFMUSP precisou se reinventar. A dedicação da força de trabalho do maior complexo hospitalar da América Latina, composta por mais de 22 mil colaboradores, colocou a Instituição mais uma vez no pódio de referência internacional.

A pandemia da COVID-19 acelerou muitos projetos voltados à Telemedicina e Inteligência Artificial, deixando um potencial legado no hub de inovação do Complexo HCFMUSP. A cada dia de intensa experiência e superação, o HC colocou em prática tudo o que se projetava para um futuro promissor. Benfeitorias tecnológicas foram executadas em todos os setores do hospital – da gestão de pessoas aos leitos das Unidades de Terapia Intensiva (UTI).

Muitos foram os avanços e realizações. Entre os exemplos: para os trâmites internos foram implantadas ações como o SP Sem Papel ao expediente de documentos da Administração Estadual; na área de recursos humanos, os processos de avaliação passaram a ser eletrônicos; as catracas de acesso aos prédios se expandiram a todos os Institutos, garantindo maior segurança e identificação dos usuários.

Na esfera assistencial, o HC desenvolveu o aplicativo Portal do Paciente com inúmeras funcionalidades que facilitam a rotina dos pacientes; a UTI do Instituto Central (ICHC) recebeu três dispensários eletrônicos capaz de assegurar rastreabilidade, controle de utilização e maior rapidez e segurança na manipulação e administração dos medicamentos.

O Núcleo de Inovação Tecnológica (InovaHC) se fortaleceu com inúmeros projetos de incentivo e parceria com startups em busca de soluções de inovação em saúde conectando pesquisadores, empreendedores, alunos e recursos.

Recentemente, foram mapeadas diversas iniciativas que surgiram pelos Institutos e 20 foram selecionadas para compor o programa Saúde Digital, em colaboração com o governo britânico. Engloba esse programa: teleconsultoria, teleatendimento, visita remota de pacientes e reunião familiar, criação de plataforma de serviços para a rede do Sistema Único de Saúde (SUS), formação em saúde digital, piloto modelo de Atenção Primária Digital, entre outros.

Os 77 anos do HCFMUSP comprovam a sua vasta experiência, preservando a tradição e abrindo horizonte para um novo tempo. O HC 4.0, que visa acelerar a introdução de tecnologia de ponta na saúde, já não é mais um sonho, é uma realidade.

 

Fonte: Governo do Estado de SP

 

#linkbio #jornalimprensaregionalregoeste #jdoria #governodoestadodesaopaulo #NovosTempos #EstadodeRespeito #JuntosPorSãoPauloePeloBrasil #combateaocoronavirus #rodrigogarciaoficial #covid19 #secretariaestadualdesaudedesp #saudepublica #campanhasobreocoronavirus #daviduip #quarentena #FicaEmCasa #prorrogacaodaquarentena #retomadagradualdaeconomia #prefeituradesp  #usemascaras #marcovinholi #ronaldodaher #dianacionaldelutadapessoacomdeficiencia

 

Siga nas redes:
Instagram: jornalimprensaregionalregoeste
Site: jimprensaregional.com.br
Facebook: https://www.facebook.com/pg/jimprensaregional

 

 

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado.Os campos obrigatórios são marcados *

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: