Governo de SP destina R$ 17,3 milhões a 46 cidades para combater enchentes

O Governador em exercício Rodrigo Garcia anunciou um pacote de investimento de R$ 17,3 milhões em convênios com 46 cidades paulistas para obras preventivas e recuperativas contra enchentes.

Os recursos serão destinados para a construção de pontes, travessias, galerias de águas pluviais e muros de contenção para prevenir danos causados pelas chuvas, além de recuperar os estragos provocados pelas chuvas do início do ano.

“São obras que a Defesa Civil do Estado identificou como prioritárias. A partir de agora, os convênios são assinados com os prefeitos e as Prefeituras licitam e executam as obras. São obras de médio e pequeno porte, que entre três a nove meses estarão prontas e vão beneficiar a população”, afirmou Garcia.

O evento foi realizado no Palácio dos Bandeirantes e teve a participação dos Secretários da Casa Militar e Defesa Civil e de Desenvolvimento Regional, Coronel Walter Nyakas Junior e Marco Vinholi, respectivamente.

O total destes convênios assinados nesta quinta é maior do que o investimento feito por meio de parcerias com a mesma finalidade nos últimos três anos – um total de R$ 15,5 milhões de 2016 a 2018. A Defesa Civil do Estado já destinou R$ 21,9 milhões para a gestão de riscos e de desastres em 2019, por meio de obras preventivas e recuperativas.

As autorizações para os convênios assinadas nesta quinta incluem as seguintes cidades: Apiaí (R$ 242,7 mil), Álvares Machado (R$ 524,5 mil), Anhumas (R$ 709,1 mil), Araçatuba (R$ 322,2 mil), Avaí (R$ 371,6 mil), Bady Bassitt (R$ 430,9 mil), Barra do Chapéu (R$ 545,7 mil), Bilac (R$ 355,9 mil), Caiabu (R$ 688,1 mil), Caiuá (R$ 849,6 mil), Campos do Jordão (R$ 260,5 mil), Dolcinópolis (R$ 246,8 mil), Eldorado (R$ 299,7 mil), Floreal (R$ 210,7 mil), Gália (R$ 192 mil), Gastão Vidigal (R$ 30,2 mil), Glicério (R$ 93,1 mil), Iracemápolis (R$ 312,3 mil), Ibiúna (R$ 273,9 mil), Itápolis (R$ 450 mil), Itararé (R$ 420,4 mil), Jacupiranga (R$ 594,9 mil), Lavrinhas (R$ 296,3 mil), Macaubal (R$ 423,6 mil), Macedônia (R$ 199,6 mil), Mairinque (R$ 454,8 mil), Marabá Paulista (R$ 454,4 mil), Marinópolis (R$ 245,5 mil), Murutinga do Sul (R$ 228,7 mil), Natividade da Serra (R$ 252,4 mil), Nova Castilho (R$ 279,5 mil), Paraibuna (R$ 559,4 mil), Paranapuã (R$ 241,1 mil), Paulicéia (R$ 544,9 mil), Piacatu (R$ 595,9 mil), Piracaia (R$ 492,6 mil), Pompeia (R$ 223,6 mil), Presidente Bernardes (R$ 732,5 mil), Presidente Venceslau (R$ 615,9 mil), Quintana (R$ 456,7 mil), Salesópolis (R$ 154,2 mil), São José da Bela Vista (R$ 389,3 mil), Santa Cruz da Esperança (R$ 195,2 mil), Serra Azul (R$ 26,1 mil), Silveiras (R$ 201,5 mil) e Valparaíso (R$ 624,3 mil).

 

Fonte: Portal do Governo

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado.Os campos obrigatórios são marcados *

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: