Mira na Dengue - Barueri

Fundação Pró-Sangue necessita de doadores com a máxima urgência

Os estoques de sangue de São Paulo vivem uma crítica escassez, principalmente dos tipos O+O-A- e B-. Se não houver uma reposição brevemente, poderá ocorrer desabastecimento e o comprometimento do tratamento de pacientes que já estão internados ou que dependem de transfusão com regularidade (hemofílicos, anêmicos profundos, vítimas de hemorragia e de queimaduras, por exemplo).

O interessado, independentemente do tipo sanguíneo, pode doar.

Muitas pessoas viajam nessa época do ano e deixam as doações de sangue em segundo plano, fato que acarreta uma acentuada queda nos estoques. Além disso, o surto de Influenza e a epidemia de Covid-19 contribuem para o afastamento de doadores.

A Fundação Pró-Sangue, vinculada à Secretaria de Saúde do Estado de São Paulo, esclarece a todos os interessados em doar sangue que não há possibilidade de contaminação durante o processo da coleta por que todo o material é esterilizado.

Além disso, os profissionais de saúde usam máscara e luvas constantemente e o agendamento que o doador faz no site da Fundação Pró-sangue, além de otimizar o tempo, contribui para que não haja aglomerações.

Condições para doar
– Ter entre 16 e 69 anos;

– Pesar mais de 50 kg;

– Apresentar documento original com foto;

– Não estar gripado ou resfriado;

– Evitar alimentos gordurosos 4 horas antes da doação;

– Evitar bebidas alcoólicas 12 horas antes da doação.

Mais informações no site da Fundação e também pelo telefone 4573-7800. O hemocentro de Barueri, que fica no andar térreo do Hospital Municipal Francisco Moran (Rua Ângela Mirela, 354) é uma das unidades da Fundação, mas o agendamento no site é imprescindível.

O Posto do Hospital das Clínicas, mais conhecido, passará por uma reforma estrutural a partir de 17 de janeiro. As obras deverão durar 120 dias.

 

 

Siga nas redes:
Instagram: jornalimprensaregionalregoeste
Site: jimprensaregional.com.br
Facebook: https://www.facebook.com/pg/jimprensaregional

 

 

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado.Os campos obrigatórios são marcados *

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: