Barueri

Educação de Barueri no Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes

De acordo com a Lei Federal n° 9.970/00, o dia 18 de maio é o Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes.

A Secretaria de Educação de Barueri também está preocupada em conscientizar os familiares, bem como toda comunidade escolar, sobre a importância da data que tem como objetivo proteger crianças e adolescentes.

Para auxiliar na tarefa de mobilização, o Departamento de Projetos da Secretaria de Educação elaborou ações para sensibilizar a todos sobre a importância de denunciar e encaminhar os casos de violência para a rede de proteção.

Foi pensado também na realização de videoconferências com os gestores escolares, no sentido de divulgar ao máximo os passos que devem ser seguidos quando se detecta alguma atitude suspeita.

De acordo com o secretário Celso Furlan, esta campanha vem ao encontro com a preocupação com os todos os estudantes da rede. “Estamos preparando nossas escolas para lidar com a questão da violência no retorno das aulas presenciais. Nossos profissionais estarão aptos para detectar os sinais, oferecendo acolhimento e efetuando os devidos encaminhamentos”, disse.

Todos os profissionais que atuam nas unidades escolares serão sensibilizados no sentido de prestarem atenção em possíveis sinais que possam indicar que crianças e adolescentes estejam sofrendo violência sexual.

A Secretaria de Educação organizou ainda material de divulgação sobre a data, bem como canais de denúncias. A propagação da campanha acontecerá por intermédio do Google Sala de Aula, murais, WhatsApp Business, redes sociais das escolas, telas dos Chromebooks, entre outros canais, além disso serão disseminados vídeos, banners e outros materiais propostos pela campanha.

Sobre a data:
Em 18 de maio de 1973, uma menina de oito anos de idade, chamada Araceli, foi sequestrada, drogada, violentada sexualmente e assassinada, em Vitória (ES). No ano de 1991, os três réus acusados de matar a menina foram absolvidos e o crime permanece impune até hoje.

 

Siga nas redes:
Instagram: jornalimprensaregionalregoeste
Site: jimprensaregional.com.br
Facebook: https://www.facebook.com/pg/jimprensaregional

 

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado.Os campos obrigatórios são marcados *

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: