Mira na Dengue - Barueri

Cotia registra menor taxa de mortalidade infantil dos últimos dez anos, mostra Seade

A Fundação Seade divulgou as taxas de mortalidade infantil do ano de 2020 dos municípios paulistas. De acordo com os dados, Cotia teve a menor taxa da série histórica dos últimos dez anos e ficou em 6.1 óbitos por mil nascidos vivos. O resultado coloca Cotia com indicador melhor do que a medição mais baixa registrada em Americana (6.5) e São Carlos (7.0), cidades com IDH e número de habitantes semelhantes a Cotia.

Para Rogério Franco, prefeito de Cotia, o resultado coroa as ações do Programa Cotia que Cuida que, por meio da ação social Mãe Cotiana, tem garantido assiduidade das gestantes nas consultas de pré-natal e acompanhamento regular da criança com pediatra até completar um ano de idade. “É uma ação que garante às futuras mamães acesso prioritário no serviço de saúde e atendimento social, como a gratuidade de transporte para consultas e exames na rede municipal. Além disso, também entrega o enxoval completo com carrinho para os bebês. São ações tomadas pelo poder público que ajudam a prevenir, identificar e tratar problemas de forma precoce”, disse o prefeito. “Estamos muito felizes com o resultado histórico para a nossa cidade”, completou.

O Secretário de Saúde, Magno Sauter, também comemorou o resultado. “Ficamos muito felizes com os indicadores de 2020, é um resultado impactado diretamente pela Mãe Cotiana, a ação melhora a adesão ao pré-natal e puericultura, com isso, temos o impacto positivo na mortalidade”, comentou o secretário.

Em Cotia, as gestantes têm acesso ao atendimento de pré-natal em todas as 26 Unidades Básicas de Saúde, além disso, em caso de gravidez de risco, as futuras mamães são acompanhadas na Clínica da Mulher

Taxa de mortalidade infantil – Cotia

2011   2012   2013   2014   2015   2016   2017   2018   2019* 2020

8,6      11,2    9,4       8,5      10,8    13,1    7,6      7,7       10,9*   6,1

Fonte: Fundação Seade

*2019

*6,7 (Fonte: Secretaria de Saúde de Cotia – A taxa de mortalidade infantil que consta no Seade é divergente da informada pelo município à época. A Secretaria de Saúde solicitou a correção dos dados, mas até o momento, não foi realizada).

 

Siga nas redes:
Instagram: jornalimprensaregionalregoeste
Site: jimprensaregional.com.br
Facebook: https://www.facebook.com/pg/jimprensaregional

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado.Os campos obrigatórios são marcados *

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: