Barueri realiza blitz educativa no Dia do Motociclista

A Secretaria de Mobilidade Urbana (Semurb), por meio do Departamento de Educação para o Trânsito, realizou na quarta-feira, 27 (Dia do Motociclista), mais uma blitz educativa, desta vez com o tema: “Pilote com segurança, respeite as leis de trânsito – Juntos Salvamos Vidas”. A ação mobilizou 583 motociclistas no bolsão de estacionamento da alameda Madeira, em Alphaville.

A Blitz educativa contou com apoio da CCR Viaoeste, que disponibilizou um caminhão para uma dinâmica sobre ponto cego e um modelo de antena corta linha; e da Yamaha Motos – empresa que entregou vouchers para troca de óleo. Além dos brindes, a Semurb distribuiu kit de material educativo e realizou abordagens com orientações de segurança aos motociclistas.

Teve ainda a participação dos atletas da equipe de “Vôlei Sentado” do Instituto Barueri Paraolímpico (IBP), da Secretaria dos Direitos da Pessoa com Deficiência (SDPD), Mara Soliver e Thiago Lopes de Oliveira. Ambos utilizam próteses para membros inferiores após se envolverem em acidentes de trânsito com motocicletas e contaram um pouco de suas histórias. “Além das diversas atividades, fomos agraciados com a troca de experiências desses atletas paraolímpicos, que enriqueceram muito a ação educativa”, destacou Joyce Fazolin, diretora do Departamento de Educação para o Trânsito da Semurb.

O evento reforça o trabalho da Semurb, que desenvolve campanhas mensais para reduzir sinistros nas vias públicas de Barueri, conforme resolução do Contran (Conselho Nacional de Trânsito). Neste mês de julho, as ações têm sido voltadas para os motociclistas. “É um público-alvo das nossas ações permanentes, devido ao número grande de sinistros de trânsito envolvendo essa classe. O número de óbitos por motivo de sinistros de trânsito deve ser reduzido a zero. Essa é a meta do nosso município e de todos os órgãos componentes do Sistema Nacional de Trânsito (SNT). Entendemos os riscos aos quais os motociclistas estão expostos diariamente e apelamos pela consciência de que, mesmo com a pressa que costumam se deslocar, tenham cuidados, sobretudo com os limites de velocidade das vias, cujo excesso supostamente caracteriza a principal causa dos sinistros fatais”, explicou Joyce Fazolin.

Ponto cego
A dinâmica do ponto cego permitiu ao participante entrar na cabine do caminhão, entender e enxergar o que o motorista vê em relação a ele (motociclista), cuidado a ser tomado, principalmente em rodovias. “É uma situação que merece atenção para evitar acidentes”, disse Felipe Guedes, morador de Barueri, motociclista há três anos e que esteve no evento pela primeira vez. “Essa ação de conscientização é muito interessante”, elogiou.

Acidentes com vítimas
De acordo com dados da Senatran (Secretaria Nacional de Trânsito), analisados pela Abraciclo (Associação Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares), a quantidade de brasileiros aptos a pilotar motos cresceu 17,5% nos últimos cinco anos, totalizando quase 34 milhões de cidadãos com Habilitação A.

A crescente presença de condutores tem gerado sinistros de trânsito. Em Barueri, no primeiro semestre deste ano, foram registradas 845 ocorrências – sendo 393 com motociclistas. Deste levantamento, o alerta fica para a quantidade de mortes de cidadãos nas vias da cidade: de 14 óbitos totalizados, 11 são por acidentes com motos.

Respeito ao trânsito
Para Thiago Lopes de Oliveira, 36, morador de Barueri que sofreu acidente com moto em 7 de fevereiro de 2013, muitos sinistros acontecem por negligência e falta de respeito ao trânsito. “A atenção é fundamental e deve ser redobrada. A pressa é inimiga da perfeição. Seja paciente no trânsito, para não ser paciente no hospital”, alertou.

Com prótese na perna direita, Thiago passou por Amputação Transtibial (retirada parcial da tíbia e fíbula) em 2015. Realiza diversas atividades e já está passando por reabilitação profissional para trabalhar na área administrativa. “Hoje estou bem e dou graças a Deus por estar vivo. As pessoas devem respeitar as leis de trânsito, ser atenciosas e tomar cuidados, como andar na velocidade permitida, não fazer ultrapassagem e não usar celulares nas vias”, recomendou o atleta de vôlei sentado do IBP da SDPD.

Siga nas redes:
Instagram: jornalimprensaregionalregoeste
Site: jimprensaregional.com.br
Facebook: https://www.facebook.com/pg/jimprensaregional 

 

 

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado.Os campos obrigatórios são marcados *

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: