Barueri

Aves são resgatadas com sinais de maus tratos na Vila Osasco

Agentes da Polícia Militar Ambiental e servidores do Departamento de Fauna e Bem-Estar Animal, órgão vinculado à Secretaria do Meio Ambiente e Recursos Hídricos, estiveram em uma residência na Avenida Alberto Santos Dumont, na Vila Osasco, para apurar denúncia de maus tratos a animais.

Ao chegar no local, as equipes encontraram um cenário onde possivelmente funcionava uma rinha de galos. Além de tablados, foram encontradas diversas seringas, anabolizantes, esporas artificiais e 74 aves, sendo 19 galos índios, boa parte deles com ferimentos e presos em gaiolas estreitas.

“Denúncias de situações como essa podem ser feitas pelos telefones 190 e 181, bem como pelo SIGAM (www.sigam.ambiente.sp.gov.br), que é Sistema Integrado de Gestão Ambiental”, explicou Danilo Koga, cabo da Polícia Militar responsável pela ocorrência.

Como não é a primeira vez que aves são encontradas com sinais de maus tratos na residência, desta vez, o proprietário recebeu uma multa no valor de R$207.850,00. Além disso, ele será enquadrado na Lei de Crimes Ambientais, já que seis pássaros nativos eram criados em cativeiro.

Os animais foram resgatados pela equipe do Bem-Estar Animal. O diretor do departamento, Alexandre Capriotti, acompanhou a ocorrência.

Osasco também disponibiliza a Central 156 para que munícipes possam fazer denúncias de maus tratos contra animais.

 

Siga nas redes:
Instagram: jornalimprensaregionalregoeste
Site: jimprensaregional.com.br
Facebook: https://www.facebook.com/pg/jimprensaregional

 

 

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado.Os campos obrigatórios são marcados *

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: